21 outubro 2011

sigam as comemorações, ou, se for o caso, a consternação




pela pulverização de alguns milhões que Khadafi fez por vários bancos, dizem, como represália contra a prisão, em 2008, do seu filho mais novo, Hannibal Khadafi, e da mulher, na altura grávida de nove meses, retirando todo o dinheiro dos fundos públicos líbios que estava depositado em bancos suíços.



Bem. O homem esteve no poder 42 anos.


Agora...., imaginem o mesmo período da nossa história, e tentemos adivinhar quantos milhões estarão em contas várias por esse mundo, da malta que nos tem governado com todo o empenho e dedicação, obviamente.





Pois é, feitas as contas não sei bem se os bancos dos nossos não têm que ter umas gavetas maiores...mas mau, mesmo mau, era o Khadafi...

1 comentário:

Anónimo disse...

http://portadaloja.blogspot.com/

(O síndrome de Al Capone)

Pedro C