20 março 2011

a minha primeira Peónia.



A magia das flores está, sempre esteve, ligada aos momentos mais inesquecíveis das nossas vidas sejam eles grandes datas ou eventos, até simples passeios pelo campo.

Foi na China que me apaixonei pelas delicadas peónias, pela a beleza do seu "novelo de pétalas", pela entoação que os chineses lhe dão (pe-hónia), e pelo aroma suave e romântico que espalham pelos locais públicos. Quando perguntava "que aroma é este?", a resposta era, frequentemente, peónia. É uma planta cheia de simbolismo, quase sagrada, e tratada no extremo oriente com a deferência de quem lida com uma preciosidade. A planta, a flor e a semente eram usadas como protecção contra espíritos malignos.
Na região do Mediterraneo, a flor é símbolo da beleza e feminilidade e a associação vem de uma lenda, onde uma ninfa chamada Peónia era tão adorada e querida pelos deuses que um deles, cheio de ciúmes a transformou numa flor de cem pétalas, ou uma peónia.

.
Isto para dizer que, esta semana, após outras tentativas falhadas, há um elemento novo no jardim: Peónias amarelas. A foto acima é da primeira a abrir. Não é a espécie mais bela, a das "cem pétalas", mas é um princípio. Lá chegarei, um dia.

3 comentários:

Pêndulo disse...

A mim apareceu-me uma peónia no calcanhar direito mas consegui raspá-la bem com uma pedra pomes.

Anónimo disse...

São muito, muito bonitas!
Nós também temos cá disso. Também são muito bonitas ,só é pena apenas as haver brancas, rosadas ou vermelhas. Mostro aqui a Paeonia broteroi:/Users/marques/Pictures/iPhoto Library/Originals/2006/24_2/DSCN3899_2.JPG.

Afinal não consigo pô-la aqui. Peço desculpa. Envio-lha por mail
Duarte V. Marques

Sandra disse...

Olá! Sou apaixonada por peônias mas ainda não consegui encontrar bulbos à venda. Por acaso não me conseguem ajudar? Obrigada