23 março 2011

A 1ª porta


Imensas...pequenas...não importa.
O tempo segue-nos por caminhos aparentemente errantes.
Às vezes embala-nos, às vezes controla-nos. Por vezes, brilha.
E todas as oportunidades estão adiante.