10 outubro 2010

Fernando Rosas abandona Parlamento

Faz lá uma falta como a fome....




«A ideia e a necessidade de abandonar o Parlamento amadureceram no meu espírito no corrente ano. Acho que todas as pessoas devem saber qual é a sua altura de sair, para darem lugar a gente mais nova»
«Esta acumulação [universidade e Parlamento] é impossível e também não escondo que se levasse este mandato até ao fim sairia do Parlamento com 67 anos, a três do jubilamento, e eu quero ficar e dar mais tempo à universidade»
.
E só deu por isso agora?? Que está velho e tem mais que fazer??
.
É (e.x.t.r.a)ordinário o respeito desta maltosa pelas instituições.

Sem comentários: