30 abril 2010

pá, expliquem-me lá....


porque no meio disto tudo há uma coisa que me intriga, e se não for muito incómodo, porque é que grande parte dos autarcas no norte são também administradores não executivos da Metro do Porto?? isto é só excesso de vontade de servir país obrigando-se ao maior número de cargos possível....ou há algo mais no pacote que me escapa?
Aquele metro do porto deve ser assim uma espécie de Tagus park.....deve estar assente em cima de poços de petróleo e ninguém sabia....

5 comentários:

Pêndulo disse...

Não é "grande parte dos autarcas no norte", apenas fazem parte 7 municípios, precisamente aqueles onde passam as linhas do Metro do Porto. Dos distritos de Braga, Viana do Castelo, Vila Real e Bragança não há nenhum.
Os municípios referidos integram, entre outros, a Área Metropolitana do Porto que detém 40% das acções da sociedade.

Cristina disse...

ahhh, e porque é que os autarcas acumulam com a administração do metro? ou seja, dois empregos em instituições publicas com dois ordenados?

Pêndulo disse...

Estarem lá não me parece contestável, já as remunerações sim porque, como é óbvio, a função deles é a de "defenderem" e fiscalizarem os interesses das câmaras que representam.
O que se passa é análogo a eu mandar um empreiteiro fazer uma casa para mim e de cada vez que lá fosse ver se a obra está a andar bem cobrasse ao empreiteiro que está a fazer a minha casa. Não faz sentido e tresanda ao que é- mais uma forma de usando cargos públicos sacar dinheiro ao povo.Não sei se esses presidentes de câmara também cobrarão de cada vez que saem do seu gabinete camarário para irem às oficinas da câmara ou coisa assim. Se calhar cobram, ou talvez não porque a lei não deixa.
- A lei não deixa? Faz-se uma empresa municipal ou uma fundação!

dalloway disse...

Hoje vocês estão a falar dificil. Preciso urgentemente de um duche!

Eric Blair disse...

Nã, pá, petróleo só há em lisboa, e é daquele africano, misturado com sangue e dá comprar gajos cuja a ocupação e dar chutos em esgeras de cauchu