04 abril 2010

Britânicos sem meias medidas. "Mais vale tarde, que muito mais tarde."


Mais de dez mil pessoas já subscreveram uma petição dirigida à página eletrónica de Downing Street - residência oficial do primeiro ministro britânico -, em que protestam contra a anunciada visita papal de quatro dias, que custará 15 milhões de libras (16,8 milhões de euros) aos contribuintes britânicos.

A campanha tem vindo a registar novas adesões à medida que sucedem as referências a escândalos sexuais envolvendo padres católicos em vários pontos da Europa.

Embora Bento XVI não tenha sido acusado de qualquer crime, importantes advogados britânicos estão a avaliar se o Papa tem garantida imunidade como Chefe de Estado e se pode ser acusado segundo o princípio de jurisdição universal pelo suposto encobrimento sistemático dos abusos sexuais envolvendo sacerdotes
. CM.

3 comentários:

Caracolinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Caracolinha disse...

... olá minha linda ... inscreve-te no grupo que criámos, já te mandei convite há muito tempo ... e claro ... divulga para sermos (ainda) mais ... :p ... fica aqui o linkinho ... :p ... beijos vermelhos, da cor dos sapatinhos prada de sua santidade ... :p

http://www.facebook.com/group.php?gid=338711879678&ref=ts

Anónimo disse...

http://dn.sapo.pt/inicio/opiniao/interior.aspx?content_id=1536169&seccao=Jo%E3o%20C%E9sar%20das%20Neves&tag=Opini%E3o%20-%20Em%20Foco


com a graça de ...o das neves


pézinhos na areia