11 janeiro 2010

o primeiro ministro a deputada e o amante dela.

And here's to you, Mrs. Robinson.....




Hide it in a hiding place
Where no one ever goes.
Put it in your pantry with your cupcakes.
It's a little secret,
Just the Robinsons' affair.
Most of all, you've got to hide it
from the kids.

Coo coo ca-choo, Mrs. Robinson,
Jesus loves you more than you will know (Wo wo wo).
God bless you, please, Mrs. Robinson,
Heaven holds a place for those who pray (Hey hey hey, hey hey hey)
. .

A história ( do P e G1):
Mr Robinson é o primeiro ministro da Irlanda. A senhora Robinson, deputada de 59 anos entediada com a vida de deputada e com a meteorologia vigente, resolve dar umas voltas com um rapazola de 19 anos. Até aqui, fantástico. Pra ela, claro. Ahh, e para o jovem que entretanto passou a herói lá do bairro. Porém a senhora, achando que a boa vida é má conselheira e mesmo preocupada com o futuro do miúdo, até porque, segundo fontes bem informadas, já tinha sido amante do pai do jovem e aproximou-se do jovem após a morte do pai e uma coisa leva à outra ...., resolve abrir-lhe um café na zona turística da cidade. Recolhe para isso fundozitos no valor de 50 mil libras junto de dois promotores imobiliários de Belfast, mas, na sua boa fé, esquece-se que enquanto deputada deveria ter declarado a recepção daquele montante aos serviços parlamentares. Dia seguinte. Mr Robinson é confrontado com o dinheirame a circular de um lado para o outro mais o rapazito de 19 anos e coisitalis. Mostra-se indignado com Mrs Robinson e manda-a devolver o dinheiro e esquece-se o assunto por causa das crianças. Problema: alguém mal intencionado escancara tudo nos jornais. Mrs Robinson diz que o miúdo afinal nem prima pela masculinidade. O rapaz McCambley vira estrela nacional e icone gay. A página do facebook, em número de fãs já ultrapassou a de Manuel Alegre em mais de 5000. O primeiro ministro Robinson nem sabe o que é o facebook. Envergonhado, demite-se. A mulher resolve ir a banhos encharcada em Xanax, o rapaz vai ser capa do "Belfast Telegraph" e "Simon and Garfunkel" bombam no Youtube.
Conclusão: não ha naquele país esquecido de deus um Almodovar que conte melhor a história??

10 comentários:

papoila disse...

Seria bom que o Almodovar a contasse...mas, enquanto isso não acontece ficamos com esta versão que está fantástica!

A música é sempre tão boa!

António P. disse...

Boa noite Cristina,
e que tal lançar uma campanha para o McCambley se candidatar a nosso Presidente ?
Era capaz de fazer o pleno da chamada esquerda.
Cumprimentos

Piotr Kropotkine disse...

mas a senhora já tinha sido amante do pai do jovem e aproximouçe do jovem após a morte do pai e uma coisa leva à outra .... mas já tinha sido amante dum Kamarada de partido e deputado....

é protestante anti gay e fortemente anti pecado.... pelo menos em público....


esta istória é do catrinu .... nem o Almodover só prá i o Fellini

Piotr Kropotkine disse...

e a Irlanda será próximo do Entroncamento?

Cristina disse...

epá, que rica deputada, é o que te digo! cá é que não há disto....será prima do Berlusconi??

Fado Alexandrino disse...

epá, que rica deputada, é o que te digo! cá é que não há disto

Eu não faria uma aposta assim tão arriscada.

Piotr Kropotkine disse...

bem ó doutoura ...cá não haver distu é mesmo arriscado... deve haver aos magotes....

mas agente cá não fala da vida privada nem pergunta porqué que deputados exuberantes e exibiçiunuistas que estão sempre na linha da frente a ouviremçe a si próprios ..... por exemplo no dia da discuçõe do casamento dos gays se remeteram prá parte de trás da bancada e se escondiam da disution... essas coisa fica mal domandar que agente cá é tudo malta axxexxuada eunucos e vestal e querubins....

dalloway disse...

Mrs. Robinson que se preze tem de agir como tal!

Isto é assunto para Ettore Scola

Mocho Falante disse...

ahahahahahahahahahaha, um dos melhores posts que já li ahahahahahahah, aqui está a prova que a nível de mexericos políticos os Irlandeses dão-nos cartas

beijos

Anónimo disse...

Se ela "andou" com o pai, será que o menino é seu filho e tratar-se-á, apenas, de uma manifestação maternal da senhora? Más linguas!