02 novembro 2009

não repercutiu em Portugal, mas foi pena

porque é uma realidade que ajuda a entender o que se passa com algumas estrelas do futebol.
José Mourinho, em entrevista antes da vitória do Inter por 2 x 1 sobre o Catania em que o técnico português não poupou críticas ao garoto Mario Balotelli (1′30” do vídeo abaixo), dizendo que só o escalou porque não tinha outras opções (duro e cru, como é habitual)

Mas o mais interessante é quando lá pelos 2′30” afirma ter “quase” chegado à conclusão de que o problema de Balotelli é um problema de geração.
“Um problema das pessoas que cercam os jogadores dessa geração. E os jogadores são mais vítimas que qualquer coisa”. Para ele, hoje, é uma exceção e um milagre “um jogador de 19 ou 20 anos que tem os pais equilibrados e que não pensam em dinheiro, que tem um irmão e uma irmã que seguem sua vida sem atrapalhar ninguém, que tem um procurador que lhe dá toda traqulidade e que tem a qualidade de trabalhar e ser muito feliz de guiar um carro pequeno sem pensar em Ferrari”.
.
Estou a pensar num nome bem português. Ele, se calhar também.

6 comentários:

Rui Figueiredo Vieira disse...

Muito bom este blog, força aí!!! O Mourinho quer se goste ou não, não tem papas na lingua, é isso que o torna verdadeiro, ou pelo menos passa a imagem como tal.

Rosa disse...

O Mourinho está longe de poder atirar pedras a alguém no que diz respeito à arrogância...

Desinformador disse...

O Mourinho só diz isto, quanto a mim, por uma razão muito simples: porque o CR9 não joga no FC Internazionale, que ele treina.

Porque em matéria de arrogância, distorcer a realidade como melhor lhe convém, e 'mind games', o JM é um autêntico mestre!

E eu que não sou admirador d nenhum dos dois, CR9 e do JM.

Cristina disse...

desi

e tem razão. já viste a chulice que se m ontou à volta dele?? a começar logo pela mãe, namorado da mãe, irmãos cunhados, ex-cunhados, empresarios, etc. haja dinheiro, que amigos e familia-amiga nunca lhe ha-de faltar.

Desinformador disse...

Desculpa Cris, mas o Mourinho está a ser cínico... como sempre!

O futebol levou a esta situação, e não podem criticar miudos de 20 anos de esbanjarem grana, se o próprio futebol lhes dá esses exemplos de esbanjamento...

Como a actual situação económica mundial, o Real de Madrid gasta mais de 200 milhões de euros em contratações! Eu, se fosse jogador e com este exemplo, não teria qualquer problema em comprar um Ferrari de 250 mil euros!

Estes miudos estão apenas a viver a sua vida, se cometem erros, é com eles que aprendem... deixem os miudos errar.

Anónimo disse...

Portugues, marca registada "inveja" :-)

Abraço

intruso