18 janeiro 2009

O Curioso Caso de Benjamin Button


O a história de duas pessoas que se cruzam em sentidos contrários: uma num processo natural de envelhecimento (Cate Blanchett), o outro em contagem inversa, ou seja, ficando cada vez mais novo (Brad Pitt) . Quase 3 horas de pormenores que alguns criticos acham excessivos e que eu acho fundamentais porque o filme é isso mesmo: a descrição de uma vida inteira nas suas várias fases fazendo contrastar a evolução do corpo e da mente, também, em sentido inverso. Angustiante, é perceber o que é “ficar só”, não importa em qual das pontas da vida.
O trabalho de maquilhagem é fenomenal.
.
Bom, e além de tudo o resto, há ele.

6 comentários:

Fado Alexandrino disse...

Tenho hesitado em ver, porque julgo ser um filme dificil.
O melhor comentário que li sobre ele tomava como base o serem duas vidas a correr em sentido contrário para enfatizar que só há UM momento de felicidade na vida.
Depois cada um segue em sentidos opostos.
Fica para quando estiver com "mood".

Cristina disse...

Nada dificil amigo. Triste.

é um filme de solidão, ou pelo menos foi assim que o senti.

Acabei de ver Elegy. Real demais. Acabei a chorar...Arghhh...preciso urgentemente de uma comédia. :/

e do euromilhões.

isabel mendes ferreira disse...

irei mesmo ver. por tudo. bigada Cesa!


beijo....

e lá vou chorar....

Fado Alexandrino disse...

Para o euromilhões fala com a Maya.
Foi ela que previu que talvez fossemos campeões este ano.
Para a comédia fala comigo que tenho aqui este .

Desinformador disse...

ohhhhhhhhhh.... ia fazer um post sobre este filme... tb o vi no sábado... :)

azar!

Mas aconselho a todos!

Assim em poucas palavras, seria como dizer que é uma versão estranha do Fabuloso mundo de Amelie, ou não fosse ele realizado pelo David Fincher!

dinda disse...

GENTE ESSE FILME É MARAVILHOSO É UMA LINDA ESTÓRIA DE AMOR, DIVINO VALE A PENA ASSISTIR MILHÕES DE VEZES E FORÇA DE VONTADE PELA VIDA