13 outubro 2008

medidas gástricas


Bem lembrado pelo Francisco José Viegas. Depois de décadas de escandaloso desperdício, talvez valha a pena redescobrir as receitas de aproveitamento de restos, uma especialidade culinária não necessariamente menor, muito pelo contrário. Tem lá o seu quê de magia. E também...talvez não nos fizesse mal voltar à tal contabilidade salazarista do «não gastar mais do que se ganha»..
.
(e diz o Blasfémias que isto é um blog de esquerda...)

5 comentários:

Animal disse...

bem, uma mousse de carapaus era capaz de ser um bucadu indigesta a estas hora, mas quem sabe, amanhã pró piqueno-almoço...

Once disse...

"as roupas velhas" Cristina :) eu sei que a coisa soa mal mas o sabor é fantástico e o aproveitamento aquele que se pretende ;)

Francis disse...

concordo com a(o) once...eu gosto mesmo de "roupa velha"...

dalloway disse...

Com o Francisco José Viegas até sou senhora gaja para pegar nos restos e fazer umas cenas tipo nove semanas e meia...

Animal disse...

ele está com a agenda muito preenchida. já eu, tenho umas vagas...