13 abril 2008

Este homem já foi ministro !!!!


PSD questiona Câncio na RTP

Questionado sobre as razões a que se referia e a quem em concreto, Rui Gomes da Silva explicitou o que o porta-voz para a comunicação social do PSD, Agostinho Branquinho, ainda não tinha dito preto no branco. "Estou-me a referir à contratação da jornalista Fernanda Câncio" e as razões aferidas pelo PSD são "um relacionamento, que é o relacionamento com o sr. primeiro--ministro", declarou o dirigente. Mais: "Nós não contestamos que a jornalista desenvolva a sua profissão com um relacionamento com qualquer político, aliás, antes pelo contrário. A única coisa de que discordamos é que essa actividade profissional seja feita num canal de televisão que é público", disse.


Eu proponho que o nomeiem para inspector-mor das alcovas. Isso, façam-no feliz a inspeccionar os lençóis de quem trabalhe na RTP ou outra qualquer empresa estatal. Forneçam-lhe uma lupa e ele que vá procurar pêlos púbicos por essas camas, que vai fiscalizar restos de sémen , que investigue se um preservativo caído terá a forma do pénis de algum governante. Que veja bem os cocós e as pingas de xixi nas casas de banho dessa gente. Que os cheire, que os lamba, que os prove em busca da identidade do seu autor.

Não gosto de Sócrates e Fernanda Câncio parece-me arrogante. Fiquei com essa impressão na altura em que debateu com a Cristina, dona deste mesmo blog, médica, o caso do cozinheiro com HIV, no entanto não posso calar-me perante esta nojice. Dizer isto, depois de o próprio Branquinho ter engonhado, ciente do disparate face ao curriculum de Câncio, explica muita coisa: porque Sócrates se mantém no poder absoluto, sem oposição, porque se ouve falar de tantos casos estranhos passados no governo de Santana Lopes, esse mesmo que ainda "anda por aí".
O asco..o asco

Adenda: Ler Ferreira Fernandes no Diário de Notícias

(...)Num país de apêndices militantes, gente que se baba por frequentar os poderosos - e faz gala de o mostrar -, haja alguém como a Câncio que, se anda com o primeiro-ministro, não aparece. Essa é que era a frase, Rui Gomes da Silva: se não aparece, é. A Fernanda Câncio é.(...)

8 comentários:

e-ko disse...

as rosas vão murchando... mas as laranjas estão todas podres!

Helder Robalo disse...

Rui Gomes da Silva, o mesmo que fez Marcelo Rebelo de Sousa sair da TVI... Que mais há a dizer?

Bé disse...

Cara Cristina... relativamente ao nosso assunto que já lá vai a umas boas páginas, aconselho-lhe a ver o episódio 1 da temporada 10 da série "Bones" que costuma dar na fox life creio! noutro dia quando o vi, lembrei-me da nossa pequenina conversa e resolvi dizer-lhe!

Cristina disse...

P

este caso só tem duas perguntas a ser respondidas:
A F. Cancio tem qualificações para o lugar?
se tem, é uma candidata como as outras.
tendo ou não, foi lá colocada por cunha directa do Primeiro Ministro?

se foi, mesmo que tenha essas qualificações, é feio. se não foi, é tão legitimo como com qualquer outro.

e só.

Referiste no post que FC é arrogante. é. e no caso que referiste, não sendo capaz de levar a discussão ao nivel que ela deve ter, porque as coisas não podem ficar pelo mero "HIV não se transmite a cozinhar", não é quanto a mim isso que está em causa nem deve ser, como eu dizia, não sendo capaz de avançar na discussão, usa a ironia e rebaixa o interlocutor. é que há um mundo de questões que podem e devem ser colocadas. é pela defesa cega e primaria dos coitadinhos que estamos onde estamos a nivel da Europa. e isso é uma pena. é preciso mais profissionalismo.

bj

Cristina disse...

tudo isto para dizer que, como bem fizeste notar, "uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa"

Anónimo disse...

A arrogância da senhora vem da sua ignorãncia ... e não há pior arrogância do que a que resulta da ignorância.Já várias vezes pude observar que, em assuntos técnicos, a senhora é absolutamente ignorante, mas acha que não e isso é triste e perigoso.Decididamente, não tema humildades dos sábios...
Também não conheço qual o seu mérito, enquanto jornalista.A senhora limita-se a perorar opiniões sobre tudo e sobre todos...

Fado Alexandrino disse...

Há aqui alguns pontos a considerar.
O primeiro é o uso das páginas do DN por três funcionários da casa, mais a própria, para atacarem o fulano de uma forma ainda mais rasteira do que o fulano fez.
A segunda é que a doutora Fernanda Câncio pode ter todas as qualificações do mundo mas devia lembrar-se do velho ditado da mulher de César.
Até aposto que ela será uma das que critica a atitude de Jorge Coelho e com isto vamos dar a outro ditado do argueiro no olho do vizinho.
E ela que não venha armar-se em santinha pois há muita gente que se lembra da reportagem no Correio da Manhã sobre a sua ida a uma matinée com Ele e como deitava a cabecinha no ombro d’Ele.
A terceira é aproveitar de tabela para questionar a necessidade de a RTP pagar um balúrdio a uma produtora externa para fazer um programa que ninguém vai ver.
Experimentem daqui a um ano perguntar a cem portugueses quem é que viu este putativo programa.

Lola disse...

Pendulo,

Penso que é puro diletantismo discutir o motivo da contratação da Jornalista.

As acusações que lhe são feitas pelo PSD, são a imagem dos políticos que temos: Pequenos, pequeníssimos.

Beijos