11 fevereiro 2008



AXN vai emitir em directo, na madrugada desta segunda-feira, a partir da 1h00, a cerimónia de entrega dos Grammy Awards na sua 50ª edção e parece que a nossa bem conhecida Amy Winehouse, definitivamente, não vai estar.
Ela foi uma das cantoras mais nomeadas: 6 indicações. Inclui disco do ano, música do ano, melhor artista estreante, melhor performance pop vocal feminina e revelação.. A presença de Amy esteve sempre em dúvida devido à instabilidade da sua vida pessoal e aos escândalos sucessivos. Mas persistia, ainda, a dúvida e a esperança dos fãs. O facto é que a enxurrada de notícias sobre o uso de drogas acabou por levar a embaixada dos EU a recusar-lhe a entrada no país. Aparentemente pelas mesmas razões. Instalou-se entretanto a confusão quando Amy recusou sequer participar via satélite, afinal, é uma das mais nomeadas. Voltas e mais voltas, clínica de reabilitação em Londres "às pressas", e a embaixada acabou por retroceder. Só que, já não há tempo, e provavelmente nem condições, para que se concretize a ída (o espectaculo é esta madrugada). Amy ficou de cantar o seu agora irónico Rehab. Talvez em versão yes,ues,yes.
Aguardamos. Entretanto, indiferente à turbulência, o seu disco retro, em que a cantora-compositora descreve os seus problemas com amor e álcool embalada pelo balanço soul, segue continuamente elogiado, e confirmado, como um dos melhores discos de 2007.
.
Actualização: Amy Winehouse foi a grande vencedora dos Grammys com cinco galardões: Melhor Gravação do Ano e Melhor Canção, com “Rehab”, Artista Revelação, Melhor Álbum Pop, por “Back to Black”, e Melhor Voz Pop Feminina. Viva ela.

5 comentários:

Fado Alexandrino disse...

Já deixei no meu blog o winner

Francis disse...

e arrasou...
5 in the pocket.

Cristina disse...

fado

grande vencedor, só pode ser um excelente disco :))

que eu não conheço.ainda.

Cristina disse...

francis

é verdade :) esperemos que não seja o último trabalho..

dalloway disse...

Gostei muito que Amy tivesse ganho 5 prémios.
Do espectáculo vi pouca coisa:
- a actuação de Amy (2 musicas)
-Tina Turner a solo (continua com umas pernas de fazer inveja); e o dueto com Aguilera.
Pouco mais do que isto!

Quanto mais ouço "Frank" e "Back to Black" mais gosto de Amy Winehouse. Seria divinal que Miss Winehouse conseguísse gravar mais um álbum..."viva ela" para isso.