06 janeiro 2008

quem é vivo sempre aparece..




Lembram-se daqueles "sapatos Dali" que parecem usados de trás prá frente?
Alguém, na altura(há meses), quando fiz o post, me enviou um e-mail a pedir mais dados sobre o criador de tal proeza. Respondi que lamentavelmente não tinha guardado o link nem me lembrava do nome. Acontece que ontem, por acaso, voltei a encontrar os sapatinhos. Aqui estou finalmente para lhe dizer que o criador dos ditos é Marc Jacobs.
Missão cumprida.

7 comentários:

Cerejinha disse...

Há relativamente pouco tempo saiu um artigo numa das muitas revistas ou jornais que compro sobre os ditos sapatos. Soou-me a "deja vu" e lembrava-me bem de onde :-D

Cristina disse...

:DD

beijinho

DUCA disse...

Os sapatinhos são invulgares, sem dúvida, mas tão pouco elegantes...
Cá por mim o Marc Jacobs não deve gostar muito de mulheres. Mas isso também não interessa nada porque há quem goste muito delas. ;)

Beijo

Cristina disse...

Duca

o que eu acho é que morria de medo de me apoiar nos calcanhares e cair pra trás! é que eu tenho 170 cm, não sei se está a ver o tombo..:)))a não ser que aquilo tenha um suporte de ferro...

Pêndulo disse...

Blogger Cristina disse...

Duca

o que eu acho é que morria de medo de me apoiar nos calcanhares e cair pra trás! é que eu tenho 170 cm, não sei se está a ver o tombo..:)))a não ser que aquilo tenha um suporte de ferro...


Eu ia ser tão, mas tão mauzinho...
Consegui conter-me

:p

Cristina disse...

P

tu és um bocado horrivel és!

dalloway disse...

Então são de Marc Jacobs.
Xacáver...até gostava de calçar algum destes exemplares para saber como é para contar como foi!