19 janeiro 2008

e depois, existem cartas de amor


8 comentários:

Fado Alexandrino disse...

Como é que uma rapariga de 13 anos, nos tempos actuais, escreve assim?
Incrível!

Cristina disse...

não sei...
juro.

dalloway disse...

A Beatriz deita por terra muitas das "teorias" sobre a geração dela.
Concordo Fado, é incrível!

dalloway disse...

Ah....mas o mais importante ficou por referir.
Esta carta de amor deixou-me sem ar...

(não xotôra não precisei de bombinha, bastou assoar-me para respirar melhor).

Cristina disse...

:)))

esta miuda Dall é um coração mole...por isso é que eu gosto tanto dela :p

Lola disse...

Cristina/Beatriz,

É muito lindo.
Eu gosto de danoninhos...

Beijos grandes ás duas. :):)

Beatriz disse...

Hehehe :*)

LM disse...

Aquele blog é todo ele uma carta de Amor.
Linda, a tua menina!
Beijos