05 janeiro 2008

e que agora que o Natal acabou é que vejo um presentão destes...



Cientistas do Instituto Technion, em Haifa (Israel) acabam de bater o recorde da Menor Bíblia do Mundo – ou, pelo menos, do menor Velho Testamento já impresso. A equipe, liderada por Uri Sivan, director do Instituto de Nanotecnologia do Technion, e Alex Lahav, ex-chefe do Instituto de Pesquisas em Microeletrónica, conseguiu “escrever” as 308.428 palavras da primeira parte da Bíblia sobre uma superfície de 0.5mm² de silício, coberta por uma camada de ouro de 20 nanometros.
Respire fundo.....
A nanobíblia foi escrita com a técnica de Feixe de Íons em Foco (FIB, na sigla em inglês). Ao ser direccionado um feixe de partículas para um ponto sobre a superfície, os átomos de ouro saem desse ponto, expondo assim a camada de silício que estava por baixo. O diâmetro do ponto exposto tem cerca de 40 nanometros. Ao observar as palavras escritas sob um microscópio eletrónico de varredura (SEM, em inglês), os pontos expostos de silício ficam mais escuros que o ouro em sua volta, facilitando a leitura. Ao direccionar um feixe de partículas para vários pontos sobre o substrato, é possível gravar qualquer padrão de pontos, especialmente aquele que represente um texto.
Esclarecido? Óptimo. Agora, os cientistas tentam fotografar a nanobíblia com o SEM. Assim, poderão ampliar a fotografia em 10.000 vezes e exibi-la numa parede gigante na Faculdade de Física do Instituto. O texto ficará visível a olho num painel de 7m x 7m.

Sem comentários: