27 dezembro 2007




Imitavas os professores? Fazias rir os teus colegas?
Sim.
E não achas que tinhas um talento para isso?
Não. Nessa concepção do talento parece haver uma coisa quase divina, um bocado ridícula, tipo «Olha, este nasce com este, toma», e coisas desse género. Não acho nada que seja assim. Porque é que era eu e não outro que imitava o professor? Não era por uma questão de talento natural: era porque eu estava mais interessado nessa coisa de fazer rir as pessoas do que o gajo da carteira do lado que, se calhar, estava... Comigo, era uma espécie de desculpa para fazer outras coisas. Eu podia fazer aquilo porque o resto estava assegurado.
É um dom.
Não é. É uma escolha. Por exemplo, o Platini. No noutro dia estava a ver um documentário sobre o Platini, e o Platini marcava livres duma forma irrepreensível. Mas ele esclarece durante a entrevista: «Eh pá, eu marco livres assim porque, no final do treino, os outros gajos iam todos para casa, o guarda-redes não se importava de ficar mais um bocadinho, e eu ficava mais duas horas só a marcar livres.» É óbvio que a gente está a ver na televisão e diz: «Eh pá, que grande livre! Este gajo tem um dom!» Não tem nada, o dom dele foi ficar lá fora mais duas horas a treinar...
.
Pois é, já o grande Eusébio disse há tempos numa entrevista que a genialidade dele era ir para o Estádio da Luz, noite dentro, ele, a bola e a baliza. Dias, meses a fio. Mas isto era malta que gostava mesmo de jogar à bola. Agora é mais gajas..

24 comentários:

dalloway disse...

Eu não sei o que diria o RAP, mas eu digo assim:

Eu empresto-lhe a minha casa de Londres e a Cristina empresta-me os seus cd's...assim escuso de estar a dizer...epá este num tenho e gosto.....eita, como se chama este e tal e coisa.
Boa?

Já agora. Quem cantou o "tainted love"(versão tocada aqui, claro).

Cristina disse...

dall

esta musica é uma lição de como o preconceito pode fazer-nos perder coisas boas. George Michael, aquele foleiro, pimba e tal e coisa...
o disco

este


o anterior era
este

tenho quase todos os que estão no site

e negócio feito! :)

Cristina disse...

ahh falta isto.
tracklist:
1. Holding back the years - Cooltrane Quartet
2. Tainted love - Stella Starlight Trio
3. Take on me - Eve St. Jones
4. Material girl - Cassandra Beck
5. Every breathe you take - Karen Souza
6. True - Jamie Lancaster
7. Walking on sunshine - Jazzystics
8. Billie Jean - Jamie Lancaster & Karen Souza
9. Rat in my kitchen - 48th. St. Collective
10. I still haven't found what I'm looking for
11. Time after time - Sarah Menescal
12. Shout - The Brian J. White Trio

Cristina disse...

e ainda...

ja viu no que se transformou o MEC?? :/

o tempo é uma coisa lixada..

Animal disse...

eu gostava de ter o tal dom para "mais gajas".... mas farto-me de treinar e....

só coisas que mamofinam...

ai.

Cristina disse...

animal

mira-te nos exemplos. é treino..

Susana Barbosa disse...

:))

Continuação de *Boas Festas* e um excelente 2008!

Beijinhos

Carminda Pinho disse...

Pois é Cristina..."agora é mais gajas", mas já viste que o man tem o corpinho todo lixado a começar pelos joelhos? e assim...se calhar, é só mexer os olhinhos...Lol

Beijokas

PS: Tbém gosto muito deste G.M.
Fixe!

dalloway disse...

Essas coisas de foleiro pimpa e tal e coisa nunca foi impedimento para o meu ouvido decidir o que quero e me apetece ouvir. Eu e os preconceitos não nos damos lá muito bem. Nada como ser prática: ou gosto ou não gosto.
Do George Michael tenho várias músicas gravadas aqui e ali. CD tenho um.

Estou parva comigo mesma por não ter conseguído identificar logo Stella Starlight Trio até porque tenho várias músicas. Deve ter sido da excitação :))

Depois de ver os links + tracklist que a Cristina gentilmente deixou... fiquei com vontade de dizer uns disparates mas o mais meiguinho foi: oh pra ela armada em mete nojo.
Obrigada pela informação

Com o MEC é caso para dizer: como é que este senhor gajo ainda se aguenta em pé...mas também é verdade que sempre se excedeu e esta é a factura!
Ele devia escrever outro livro intitulado "O tempo é fodido"

Repórter disse...

Conheço o funk, o rock, o twist e outros.
Mas o Rap????

Alguém esclarece aminha assumida ignorância?

Cristina ... help!!!

;)

Desinformador disse...

RAP vs MEC o último cage match do ano. Só um vai sair vivo...

Francis disse...

já cantei esta musiquinha ao ouvido de ...... ai jesus.

o, ainda maior, Coluna não lhe dava o dinheirinho para ele ir ao bairro...o gajo tinha que se entreter.

Gotinha disse...

Ainda não consegui ler a entrevista mas com estes 2 vultos de peso (em especial o MEC...) deve ser muito boa!!

Cristina disse...

susana

ola, Susana! um excelente ano para ti também. na vida pessoal e política, que tudo corra como desejas. fico a torcer..

um beijinho

Cristina disse...

carminda

tadinho pá, espero que nesta fase encontre alguém que dê uma ajudinha na movimentação :))

beijo

Cristina disse...

carminda

tadinho pá, espero que nesta fase encontre alguém que dê uma ajudinha na movimentação :))

beijo

Cristina disse...

dalloway

"o tempo é fodido", isso é que eu propria não tenho mesmo duvidas nenhumas...

quanto à musica, pois é comamim! eu costumo dizer que, basicamente, ouço tudo. desde que goste.

grande beijo e boas entradas, penso que estamos ambas de saída certo?

Cristina disse...

Reporter

RAP, sabes que é de certeza. está na foto.

e musica também..:)

Cristina disse...

desi

lool, basta por-lhe um bom vinho portugues à frente e saem os dois, de certeza :)))


beijocas

Cristina disse...

francis

uiuiuiuiuiuiuui!!

só te dou boas ideias :))))

Cristina disse...

gotinha é sim :))

beijocas

Francis disse...

tia tina,
não, a ideia já eu a tinha tido, só me fizeste lembrar. sorry.

como vais de saída, te desejo um optimo fim de semana, lá na quinta solo para ustedes, e umas excelentes entradas.

happy new year...

Repórter disse...

Brincadeira, Cristina.
Conheço e bem.
Bj

Repórter disse...

Ah! Mas deste RAP não gosto.
Nem um bocadinho...